VEREADORES - LEGISLATURA 2017-2020

  • ERNANI BARALDI
    ERNANI BARALDI
  • EDIVALDO BATISTA FERREIRA
    EDIVALDO BATISTA FERREIRA
  • FERNANDO AUGUSTO MORENGHI RODRIGUES - TUCURA
    FERNANDO AUGUSTO MORENGHI RODRIGUES - TUCURA
  • SEBASTIÃO SOARES DE FREITAS - TIÃOZINHO
    SEBASTIÃO SOARES DE FREITAS - TIÃOZINHO
  • ORFÉLIA ALVES GOMIDES MEIRA
    ORFÉLIA ALVES GOMIDES MEIRA
  • ANTÔNIO CARLOS MARCELINO DOS SANTOS
    ANTÔNIO CARLOS MARCELINO DOS SANTOS
  • MARCOS GOMES PEREIRA - MARCOS PASSARINHO
    MARCOS GOMES PEREIRA - MARCOS PASSARINHO
  • ALEXANDRE ALBERTO ALVES DEMETERCO
    ALEXANDRE ALBERTO ALVES DEMETERCO
  • ELICLEITON MARTINS CASTILHO - CLEITON
    ELICLEITON MARTINS CASTILHO - CLEITON
  • SUDÁRIO LUIZ LOPES FILHO - SUDARINHO
    SUDÁRIO LUIZ LOPES FILHO - SUDARINHO
  • WILSON ALVES SILVA JÚNIOR – JÚNIOR DA SAÚDE
    WILSON ALVES SILVA JÚNIOR – JÚNIOR DA SAÚDE

TV CÂMARA

Vídeos, Transmissão ao vivoVer TV

Smaller Default Larger

MCASSAB COBRADA PELO VEREADOR CLEITON SOBRE MAU CHEIRO NA REGIÃO DO FRIGORÍFICO

Compartilhar

Tendo questionando por diversas vezes o mau cheiro exalado na região do Frigorífico de Peixes da MCassab Foods, instalada no Distrito Industrial de Rifaina, o vereador Elicleiton Martins de Castilho, enviou ofício da Câmara de Rifaina, solicitando resposta do Gerente de produção daquela empresa, Arlei Holzbach.

 

“Informo que tenho recebido algumas reclamações da população acerca do referido odor, que aparentemente vaza dos caminhões que entram e saem da empresa todos os dias, o que tem gerado alguns transtornos e desconforto. Assim sendo, referido ofício (resposta), é encaminhado com o objetivo de receber explicações sobre o ocorrido e quais posturas podem ou são adotadas pela empresa para sanar o problema? ”, escreveu o parlamentar rifainense”.

A empresa se manifestou da seguinte forma, em documento assinado pelo próprio gerente de produção, Arlei José Holzbach:

“1) nós também recebemos reclamações de nossos vizinhos que nos meses de janeiro e fevereiro um caminhão da empresa terceirizada pela qual efetuamos vendas de composto de resíduos de processo (refrigerado) e após sair da empresa realizava paradas no entorno da empresa, antes de acessar a rodovia, gerando assim uma percepção de mau cheiro.

2) efetuamos a solicitação para a empresa citada para que efetuasse a troca do devido caminhão por um outro que não tivesse tal caracterização.

3) após tratativas de alguns dias, foi notado outro odor característico, que juntamente com nossos vizinhos, havia origem na Granja de engorda de frango, situada próxima ao Frigorífico.

4) da mesma forma, nossos vizinhos reportaram que repetidamente observa-se fumaça oriunda da queima de resíduos variados aos arredores.

5) Para sanar a questão mencionada dos caminhões, a nossa empresa está com o projeto e nos próximos meses estará construindo uma unidade para processamento dos resíduos em questão, cessando assim o trânsito e o envolvimento de terceiros”.