VEREADORES - LEGISLATURA 2017-2020

  • ORFÉLIA ALVES GOMIDES MEIRA
    ORFÉLIA ALVES GOMIDES MEIRA
  • ANTÔNIO CARLOS MARCELINO DOS SANTOS
    ANTÔNIO CARLOS MARCELINO DOS SANTOS
  • MARCOS GOMES PEREIRA - MARCOS PASSARINHO
    MARCOS GOMES PEREIRA - MARCOS PASSARINHO
  • ALEXANDRE ALBERTO ALVES DEMETERCO
    ALEXANDRE ALBERTO ALVES DEMETERCO
  • EDIVALDO BATISTA FERREIRA
    EDIVALDO BATISTA FERREIRA
  • SUDÁRIO LUIZ LOPES FILHO - SUDARINHO
    SUDÁRIO LUIZ LOPES FILHO - SUDARINHO
  • FERNANDO AUGUSTO MORENGHI RODRIGUES - TUCURA
    FERNANDO AUGUSTO MORENGHI RODRIGUES - TUCURA
  • ERNANI BARALDI
    ERNANI BARALDI
  • WILSON ALVES SILVA JÚNIOR – JÚNIOR DA SAÚDE
    WILSON ALVES SILVA JÚNIOR – JÚNIOR DA SAÚDE
  • SEBASTIÃO SOARES DE FREITAS - TIÃOZINHO
    SEBASTIÃO SOARES DE FREITAS - TIÃOZINHO
  • ELICLEITON MARTINS CASTILHO - CLEITON
    ELICLEITON MARTINS CASTILHO - CLEITON

TV CÂMARA

Vídeos, Transmissão ao vivoVer TV

Smaller Default Larger

VEREADORES DE RIFAINA APROVAM PARCERIA PARA ATIVIDADE DELEGADA DA POLÍCIA MILITAR

Compartilhar


Foi aprovado pela Câmara de Vereadores, o Projeto de Lei (PL) nº 45/2017, de autoria do Prefeito de Rifaina, Hugo César Lourenço, criando a gratificação por desempenho de Atividade Delegada, que será paga a Policiais Militares do Estado que exercem Atividade Municipal Delegada ao Estado, por força de convênio celebrado com o Município.

A aprovação ocorreu depois que o assunto foi tema de reunião entre oficiais da PM do 15º BPM-I sediado em Franca e da 5ª Companhia, responsável pela região no final do 1º semestre, antecipando o envio da proposta à Câmara de Vereadores pelo prefeito Hugo.

Estando devidamente conscientizados e conhecedores da importância da Atividade Delegada para a segurança no Município, os vereadores aprovaram a proposta por unanimidade.

Pela Atividade Delegada, sempre que necessário, o Município convocará reforço policial de oficiais de comando, além de tenentes, sargentos, cabos e soldados, com gratificação que será paga por hora trabalhada.

O valor da gratificação, que varia de 1,30 a 1,10 UFESP – Unidade Fiscal do Estado de SP (hoje o valor de cada unidade é de R$ 25,07), de acordo com a natureza e a complexidade das atividades, objeto de cada convênio, respeitadas as disponibilidades orçamentárias e financeiras.